quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Eu não deveria escrever esse texto




 Há alguns anos atrás eu fiz esse blog cheio de sentimentalismo e "mimimi" "tô apaixonada" "tô sofrendo" e blá blá blá. O tempo passou e eu passei a sentir vergonha de tudo aquilo. Vergonha dos meus sentimentos e das minhas fugas para as colinas, ops! Para a escrita... 
 Você tem que ser difícil, não demonstrar interesse, não falar o que sente, etc e tal, é o que te dizem. 

Apaguei todo o meu passado vergonhoso. Com 18 anos não é legal ter uma imagem de adolescente que vive no mundo dos contos de fadas. Ora a procura de um príncipe, ora a sofrer com as bruxarias da vida. Adeus desabafos, adeus declarações, adeus indiretas, adeus gritos de dor. Adeus você, eu hoje vou pro lado de lá, eu tô levando tudo de mim que é pra não ter razão pra chorar... 
  
Queria não estar escrevendo isso, porque o verdadeiro motivo de estar o escrevendo é que eu voltei a querer desabafar, me declarar, soltar indiretas - e deixar o vento levar -, gritar a minha dor e nunca, mas nunca mais dizer adeus. 

Paixão é uma droga, te deixa num estado de abstinência e te leva a fazer coisas ridículas. Paixão não serve se sentida só. Entendam, é lindo ter as malditas borboletinhas fazendo festa no estômago, mas não é lindo ter borboletinhas fazendo festa no estômago quando o seu estômago é o único a ter as malditas borboletinhas. Vai, é fácil de entender!

Ninguém tem saco pra ver um bobão se acabando pelos cantos por causa de alguém. Eu não tenho. Mas é inevitável. Por mais que existam mil fórmulas, mil teorias e mil conselhos de como não se apaixonar pela pessoa errada, você se apaixona. 

Termino esse texto ridiculosíssimo dizendo que sinto enorme vergonha de tê-lo feito. 

9 comentários:

  1. Isso é exatamente o que penso sobre meus textos antigos. Até mesmo pelos atuais ):
    Simplesmente não estou mais conseguindo escrever algo do qual eu não sinta muita vergonha e não ache que foi um desabafo muito idiota, mas mal posso evitar.. Continuo perdida nisso, "tentando". É tão complicado lidar com desabafos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desculpa a demora, faz tempo que não venho aqui.
      É complicado demais, principalmente quando a gente não consegue falar o que sente pra alguém, mas ao mesmo tempo quer compartilhar com "alguém". Eu uso o blog pra isso. Mas com o passar do tempo a gente acaba amadurecendo e aquela maldita fase passa e nos faz sentir tão ridículo.. aí é que bate a vergonha.

      Excluir
  2. Parabéns pelo teu blog!
    Vem conhecer o meu:

    feitaparailetrados.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Ahh cara, é assim mesmo. É como olhar fotos antigas e sentir-se envergonhado por ter-las postado, ou pelas poses da modinha ! hahaha
    Também me envergonho de muitas coisas que escrevi, e por vezes paro e penso:"Gente mas valia a pena mesmo ter escrito isso pra ele??" e logo vem a certeza: "NÃÃÃOOOO !" hahaha

    Mas garota, não deixe de escrever, essas memórias são ótimas pra você se lembrar de quem se foi, e no que se formou! de resto te falar é tão fofo teu blog !
    Beijinhooos

    http://rimeleoutrosvicios.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada <3
      Não deixarei de escrever mesmo! Esse cantinho aqui é a forma que eu tenho pra me esvaziar quando já estou cheia.

      Excluir
  4. Muito interessante seu blog! Mas interessante ainda, a disposição para mantê-lo ativo, atualizando-o. Apesar de não aparecer por aqui ha 1 ano já, né?

    Dê o ar da sua graça novamente. Eu adoro ler!

    :*

    ResponderExcluir